Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O que me resta

Quieta, calada em meu canto
Imagens vem e vão em minha mente
Tudo passa diante dos meus olhos
Os amores que vivi
Os que deixei de viver
Palavras que falei
Outras que calei
Olho para o meu interior
Nada encontro, vazia
Me sinto vazia
Olhando para o nada
Sem forças para me levantar
Olho para o meu reflexo no espelho
Não me reconheço
Meu briho se apagou
Meu sorriso se foi
Minha voz emudeceu
Não sei  quem sou nem o que sou
Não sei o que fiz a mim
Ou o que fizeram comigo
Dias escuros
Frias noites sem fim
Estou inerte em minha solidão
É o que me resta
Esta solidão é só minha
Vou me deixar ficar aqui

Beijos "ÐäMå Ðë ÑëG®ö"

***
Dama De Negro
Enviado por Dama De Negro em 02/04/2006
Código do texto: T132491

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146151 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 10:56)
Dama De Negro