Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Até quando?


Até quando?
De Iolanda Brazão

O mar calmo
De águas cristalinas
Virou mar tenebroso
De ondas impetuosas
Minha vida serena, tranqüila
De repente transformou-se
Num verdadeiro inferno
De labaredas gigantescas
De ares poluídos
Daí nem sei o que fazer
Se corro
Se grito
Ou deixo que o fogo
Consuma meu corpo
Tão sofrido e frágil
Se estou na chuva
Molho-me
Se estou no sol
Queimo-me
Meu sonho azul
Continua negro
De uma cor inconfundível
Tudo é horrível
Tudo é terrível
Nada modifica
Tudo se transforma
Quando surgira a tão sonhada glória
Que marcara com linhas douradas
O livro de minha história.
Iolanda Brazão
Enviado por Iolanda Brazão em 08/04/2006
Código do texto: T135767

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Ex: cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Iolanda Brazão
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
343 textos (32019 leituras)
3 áudios (627 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:30)
Iolanda Brazão