Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

DESPEDIDA DA VIDA = TÂNIA AILENE

DESPEDIDA DA VIDA
TÂNIA AILENE

Nunca duvide do quanto estou
sendo honesta com você
chorei, refiz sentimentos
vaguei no fundo da existência.
Não me cobre culpa que não tenho
minha angústia tem um preço.
Um grito do desespero
espanto do inferno
vivido com questionamentos
sangra alma perdida.
Já nem sei onde foi que não explodi
dói ouvir dúvidas, palavras amargas
sofrimento sem rumo.
Na despedida da vida
nem lenços brancos espero.
Quero o fim!
Esse nó na garganta
que mágoas ainda terei que passar?
Qual a verdade que espera?
Acreditei em você
investi meus sonhos, ilusões
choro o pranto dos desesperados
encurralados na viela da escuridão.
Se isso é viver:
Estou no limite
da covardia dos humanos.
Não quero ser tua nem de ninguém.
Morro para te provar que
errado é você!

19/04/2006
TÂNIA AILENE
RIO DE JANEIRO
Tânia Ailene Nua Poesia
Enviado por Tânia Ailene Nua Poesia em 20/04/2006
Código do texto: T142312
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Ailene Nua Poesia
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
886 textos (30279 leituras)
28 áudios (1362 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:58)
Tânia Ailene Nua Poesia