Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ANGÚSTIA I

ANGÚSTIA  I
Por: Rosa R. Regis - Natal/RN
22.02.2000 - (20;30hs).

A dor no peito é profunda e cruel
e não tem compaixão
do invólucro de músculos pulsante que o envolve
e que, por acaso, chama-se coração.

Machuca!... Incomoda!... Magoa profundamente!
Sem parar um só momento de ferir
com profundas estocadas como punhaladas
que parece objetivar tão somente destruir.

As lágrimas brotam-me aos olhos...
não consigo controlar.
Não sei o que ocorre...
Não sei por que me angustio.

No que estão falando em volta?!
Procuro concentrar-me...
...porém nada consigo...
e... estremeço... com um leve arrepio.

O que é mais importante?...
Ouço alguém perguntar.
Não sei...
E não entendo o que ele quer dizer...
O meu pensar está longe... diluiu-se... a vaguear.

Sinto-me desnorteada...
um nada... um não-ser!

O que está havendo comigo... Senhor Deus?!

O que de pior poderá, na minha vida, ocorrer?!

Já estou tão desmerecida...
magoada... machucada...
que já não sei o que de pior poderia, comigo, acontecer!

-Quem é mais importante?...
Ouço alguém perguntar.

E fala-se dos filósofos...
Antigos... Medievais... Modernos... Contemporâneos

-Não seriam todos importantes no seu tempo?!
-Julgá-los mais ou menos importantes, não seria um engano?

Mas não consigo acompanhar o pensamento lógico
com o qual me seria possível concordar ou discordar.

Estou fora de mim...
Não estou... Não sou... Não sei...
E nada do que falam, consigo assimilar.

Outro dia... outra hora... talvez eu cnsiga discernir.
Saber o que está ocorrendo comigo, afinal!

Quando amainar-se esta angústia... infindável...
que está sempre a me acompanhar. A me perseguir.



(durante uma palestra entre alguns Professores, Doutores em Filosofia, na nossa primeira semana de aula, no período 2000.1)

Rosa Regis
Enviado por Rosa Regis em 26/04/2006
Código do texto: T145658
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Regis
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 67 anos
383 textos (153820 leituras)
1 e-livros (9 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 11:18)
Rosa Regis

Site do Escritor