Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meus Brinquedos

Deixa vir,
Se for pro bem...
Quem não tem, pode fingir,
E não se arrepender...
Estar só é para os sábios,
E eu ainda não cresci:
Os meus brinquedos
São palavras as quais
Tento traduzir...

Deixa ir,
Se for pro bem...
Quem tem, não quer
Deixar partir...
E pode se arrepender,
Por não sofrer
O que é melhor pra si...

Sabe lá quantos milhões de anos
Eu tenho que esperar
Pra brincar comigo mesmo
Sem sentir tristeza.

11 de maio de 2006
Teco Sodré
Enviado por Teco Sodré em 11/05/2006
Código do texto: T154175

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Teco Sodré
Salvador - Bahia - Brasil, 38 anos
274 textos (12535 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:50)
Teco Sodré