Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto
SOFRER É UM CATIVO


Eu me perco na solidão,
No caos da noite embriagada,
Na negreja dos teus olhos,
Encontro-me na madrugada.

Recolhido numa poesia,
Destruído pelo desculto,
Inconformado e desfeito,
Das carícias e dos beijos.

Não sei como a vida constrói,
Situações desastrosas,
Às vezes, deixando manchas,
Com amargas e severas aflições.

Gotas caem como chuva,
Gotas rolam no meu rosto,
Em forma de um lamento,
Desmanchando-se em prantos.

Como dói tolerar as mágoas,
Sofrer é uma jaula robustecida,
Onde se guarda um contragosto.

É uma prisão temporária e perversa,
Corroendo o presente no cotidiano,
E machucando os sonhos do futuro.

Sofrer é uma passagem isolada,
Com demasiadas condenações,
Pulsando na mente e no coração,
Factus dum imperativo com emoção.


(1978)


ERASMO SHALLKYTTON
Enviado por ERASMO SHALLKYTTON em 28/06/2006
Reeditado em 12/10/2011
Código do texto: T184116
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
ERASMO SHALLKYTTON
Caxias - Maranhão - Brasil
4168 textos (2055911 leituras)
1 áudios (971 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 13:11)
ERASMO SHALLKYTTON

Site do Escritor