Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A dor

A dor é um sentimento
Que penetra nosso ser
Nos tira o prazer de viver

Por mais que buscamos
Outros momentos, alegrias
No peito uma grande agonia
É uma tristeza da volta a realidade
Um amargar que se tem

Tudo aquilo que parecia ser lindo
Torna-se um opaco, sem vida
A beleza perde o sentindo
O existir é um eterno inventar
Novas razões para se esconder
É um vazio a penetrar a alma
Que nada preenche ou acalma

A dor é uma ferida
Que sempre exposta fica
Traiçoeira, sempre vindo a tona
Numa pequena lembrança
Num momento de silencio
Num simples olhar.
Numa musica a ouvir
Em algo pequeno a nos tocar.
Está sempre a resistir
Fazendo a lagrima rolar.
Dor que nunca deixa de apertar
O peito, ou o vazio aberto.

Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 29/06/2006
Reeditado em 29/06/2006
Código do texto: T184540
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1218942 leituras)
5 e-livros (11751 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 20:27)
Ataíde Lemos

Site do Escritor