Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UM VERSO DE ADEUS


Não tem portas por aqui,
Também não tem janelas,
A casa já estava tão lotada,
Sem espaço pra mais mentiras,
Nem perdão por tanta ironia,
Guarde poeta os teus versos,
Talvez outra musa os aceite,
Pois aquele lindo coração,
Sumiu sem deixar rastro,
Nem mesmo deixou bilhete,
Mandou encerrar a porta,
Não existe nem beiral ou espaço,
Para que deixes os teus versos,
Não tem nenhuma passagem,
Não tem chave de reserva,
Nem invenção que dê jeito,
Tudo agora esta desfeito,
Fim de qualquer entendimento,
Guarde apenas as boas lembranças,
Pois aquele coração te amava muito.
Mas chegaste muito tarde infelizmente,
Queres realmente saber o que houve ?
Um amor de verdade chegou na sua frente...

Sônia Ferraz / Serei@SP - 2003
Sonia Ferraz
Enviado por Sonia Ferraz em 26/07/2006
Reeditado em 14/08/2015
Código do texto: T202658
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sonia Ferraz
São Paulo - São Paulo - Brasil, 61 anos
665 textos (37144 leituras)
33 áudios (5813 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 16:42)
Sonia Ferraz

Site do Escritor