Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Quero Ser

QUERO SER



28/01/1987
Edilene Barroso.





Sinto-me.
Sinto-me velha sem sê-lo, livre sem ser,
presa sem querer crer.
Sinto-me má sem por que, sinto-me boa demais.
Fraca, sendo forte, forte, sem força alguma.
Sensível dura e dura sonhadora, afinal o que?
Mulher exemplar sem méritos, nem medalhas;
atada sem cadeias, correntes não imaginárias.
Vontade de gritar, fugir, sem vontade de sussurrar, caminhar.
Tantos dias que parecem séculos,
tantos minutos que parecem eternos.
Quero caminhar sob meus próprios pés.
Quero saber se tenho forças de me guiar,
levantar e mesmo cair.
Quero ser uma velha-moça, presa das minhas próprias cadeias,
livre, sendo-o.
Quero que minha bondade me ensine a ser boa,
quero medir a minha força, quero voar.
Meus louros e minhas medalhas alcançar, merecer,
ou acreditar em não os ter.
Quero sentir, quero saber, quero ver.
Quero ser.
Edilene Barroso
Enviado por Edilene Barroso em 01/08/2006
Código do texto: T206466

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Edilene Barroso
Campinas - São Paulo - Brasil, 53 anos
192 textos (21458 leituras)
12 áudios (4784 audições)
5 e-livros (337 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 22:53)
Edilene Barroso