Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Tudo me lembra seu beijo

Na alvorada da ingénua incompreensão
Avassaladora da escuridão que me apavora
Imagino você que quiçá já não me espera
E cá eu findando neste amargo vulcão

Afinal me lembro do seu beijo
Quando desesperado cancelo à luz da vela
Para sempre voar em meu desejo
A linda imagem do seu corpo visto no ecrã

Que fez de mim um dos poetas
Mais ditoso das galáxias
Com o qual você quis namorar
Mas já não queres saber das ânsias
Que em mim vivem para te amar

Afinal me lembro do seu beijo
Apesar do pesadelo que me fustigou
Na madrugada insólita do meu quarto
Não sei até quanto tempo será esse desejo

Afinal me lembro do seu beijo
Me livrando do sofrimento da minha alma
Que sem calma solicita seu manejo
Nesta incompreensão ingénua do meu desejo

Nkazevy
Enviado por Nkazevy em 01/08/2006
Reeditado em 06/05/2015
Código do texto: T206743
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Nkazevy
Benguela - Benguela - Angola, 30 anos
168 textos (11333 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:33)
Nkazevy