Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

E r a . . . . . .

 
Adentrei no saguão da esperança

 Absorto, descontraído, inadvertido
 
  Na luz fugaz,  vultos em movimento

   Um corpo de mulher, meu olhar afiança
 
    Passos lentos, medidos, aproxima

     Corpo lindo, rosto inspira confiança

      Um quê de tristeza , apreensão

       Cabelos úmidos a face determina

        Vestido negro, belo modelo

         Ombro desnudos, bem formados
   
          Olhos meigos, busca ver, penetrar

Meus pensamentos, ela vê o apêlo.

 Disfarça com meigo sorriso

  Movimento de recuo, aguarda

  A mente divaga, corre célere

   Não esperava abôrdo improviso

   Aproxima vacilante, suspeita

    Nada tenho para ofertar

     Um sonho ilusório , talvez

      Entende, anui e se sujeita

       À força da atração, coitada

        Submete a possível aproximação
 
   Assusta e recua,  vivaz

   No dedo o anel, era casada !
GDaun
Enviado por GDaun em 16/08/2006
Reeditado em 16/08/2006
Código do texto: T217557

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GDaun
Lupércio - São Paulo - Brasil, 72 anos
653 textos (42989 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 00:37)
GDaun