Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Carinho

A mão parou a meio caminho, e o gesto vago,
a não saber se voltava ou completava o afago.
Carícia perdida, incompleta no instante de indecisão;
O que geraria um sorriso terno mudou-se na
Lágrima silenciosa a descer pela face,
Frustrou-se um coração.
Ser entristecido que um carinho alegraria
E que quedou-se desiludido do bem que a
Carícia ( não feita) faria;
Da ilusão que traria no sentir-se querido
E que não teve razão.
Penso no ser que vagueia pela vida maltratado
No coração só um anseio
Qual animal desprezado
De que alguém lhe tenha afeição
Expressada num afago.
O alguém que sofre do não revelado amor
Só tem razão em seu pranto
Que lhe traz ainda mais dor.
Dor sofrida tantas vezes quando o gesto se repete:
Aquele que espera o afago quando
Quem vai acariciar do carinho se esquece...
Liane Furiatti
Enviado por Liane Furiatti em 18/08/2006
Reeditado em 20/01/2009
Código do texto: T219778
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Sobre a autora
Liane Furiatti
Curitiba - Paraná - Brasil
776 textos (34952 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 14:21)
Liane Furiatti