Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Algemas

                                        (Estrada Humana – Otávio Costa)
                                                                       

Não serei cativo do social
Não vivo para os aplausos
Outros são os tons e sons que embalam
As paredes do quarto que durmo
Nos fundos do submundo
Cansado de manchetes nostálgicas
Busco a justaposta razão
Encontrar o porquê das algemas
Liberados para sofrer
Não sonhamos...
Estamos envolvidos pelo encanto
De estar com mangas arregaçadas
Na luta pela sobrevivência
Zelamos pelo homem
Que busca com calos nas mãos
Um ideal
Encontrar o perdido
Caminho do sol.
Estrada Humana
Enviado por Estrada Humana em 19/08/2006
Reeditado em 26/04/2007
Código do texto: T220239

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Estrada Humana
Serrinha - Bahia - Brasil
126 textos (15284 leituras)
16 e-livros (1532 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:59)
Estrada Humana