Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Auto retrato.

Quanto mais próximo da distancia,
Mais distante da proximidade ele aparecia,
Tão pobre e solitário,
Buscando ao lado o que lhe é contrario,

Um pobre pássaro sem asas,
Asas de um amor hesitante,
Nobre soldado errante,
Nublado e constante o dia,

Fechava os olhos sonhava e sorria,
Um nobre lutador enraivecido,
Uma criança sem colo entristecida,

Inconstante e contraditório,
Exagerado e mesquinho,
Pequeno e mentiroso...


 
Leo Magno Mauricio
Enviado por Leo Magno Mauricio em 22/08/2006
Código do texto: T222605
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leo Magno Mauricio
Guarulhos - São Paulo - Brasil
455 textos (14412 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 01:51)
Leo Magno Mauricio