Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

11 de Setembro de 2001

A poeira já poisou
Sem conseguir esconder o que se passou
Afinal nada mudou
A dor para sempre ficou.

Memórias sofríveis
De momentos inesquecíveis
De imagens terríveis
E de vozes tristemente audíveis.

O sofrimento vindo do ar
De onde ninguém queria acreditar
No entanto ele continuava a chegar
Derramando lágrimas em cada olhar.

As horas iam passando
E todos os sentimentos de raiva e ódio aumentando
Vendo milhares de rostos de desespero gritando
Enquanto outros a sua vida iam terminando.

Hoje cada um de nós revê essa dor
Tendo no seu coração um sentimento sofredor
A chacina de inocentes no seu esplendor
Onde jamais se viu num filme de terror.

Mas porquê que isto tinha que acontecer?
Valeu a pena por o mundo a sofrer,
Assistindo à força da palavra morrer?
...Foi apenas isto que nos permitiram ver…



Ps: Foi uma homenagem que fiz a esse trágico dia e a todas as pessoas que a partir desse dia deixaram de estar presentes entre nós...Nunca vos esqueceremos....

João Filipe Ferreira
Enviado por João Filipe Ferreira em 11/09/2006
Reeditado em 11/09/2006
Código do texto: T237679

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
João Filipe Ferreira
Portugal, 36 anos
217 textos (13951 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 07:13)
João Filipe Ferreira