Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

World Trade Center.




O rosto dentro do rosto
Precipitava o tempo
Num caminho difícil
A agonia quebrava o silêncio
E o medo desbravava a razão.

Muitos corpos mutilados
O peso do concreto desfeito
Na explosão bruta, aterrorizante
Onde quadrante do inferno
Instalara-se abruptamente
Ceifando vidas inocentes.

Dois aviões sem liberdade
Nos corpos estáticos do imperialismo
Houve falta de diálogo
Na concepção para a vida
Nitroglicerinado de poder.

Consumação final
Mais de 2000* mil mortos
O mundo agora é outro
Quando a esperança abalada poderá vingar?
Pois os seus frutos
Terão que ser, a liberdade.

11 de setembro de 2001
Em New York
O mundo
Viveu a morte.
Condor Azul
Enviado por Condor Azul em 17/09/2006
Reeditado em 17/09/2006
Código do texto: T242329
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Condor Azul
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 54 anos
721 textos (26288 leituras)
1 áudios (175 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:37)
Condor Azul