Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pobre poeta de mim

Como é dificil escrever sem entrega
Quando não se ama
Como é que eu faço pra dizer o que eu quero
Sem aquela chama
O vento soprou forte demais

O tempo me comprime, me acusa
Diz que amar agora é suicídio
Cabeça cansada, confusa
Medo da assimetria
Será que ainda serei capaz?

Me joguei da montanha mais alta

Silêncio...

Caindo...

E o chão...

Chegando...

Alguém me faça de bobo outra vez
Me faça ficar babando
Sem razão, sem cuidado

Só posso voar se estiver amando.
Guilherme Lombardi
Enviado por Guilherme Lombardi em 17/06/2005
Reeditado em 10/12/2010
Código do texto: T25134

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Guilherme Lombardi
Curitiba - Paraná - Brasil, 33 anos
152 textos (14480 leituras)
5 áudios (758 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 13:24)
Guilherme Lombardi