Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ONDE NÃO SE POSSA VER O FIM... EU QUERO IR...

FUGI, ANDEI ATÉ NÃO MAIS PODER...
OLHEI PARA MINHAS MÃOS...
SUJAS E GÉLIDAS...
EM MEU CORAÇÃO, UM GRANDE CORTE...
AINDA ESTOU SANGRANDO...
FERIDA POR MIM MESMA...

EU JAMAIS PODEREI TENTAR OUTRA VEZ,
PORQUE VC SIMPLESMENTE NÃO QUER
EU NÃO VOU PARAR AQUI, AGORA...
PRECISO QUE VC QUEIRA TENTAR,
SÓ MAIS UMA VEZ...

NA GARGANTA, UM GRITO SUFOCADO,
EXATAMENTE AQUELE QUE NUNCA DEI...
E SÓ QUERIA MINHAS ASAS DE VOLTA...
SÓ QUERIA VOAR...
PARA ONDE NÃO SE POSSA VER O FIM.
NO MEIO DE UM LINDO CAMPO...
TODO MORTO...
SÓ SOBRARAM PALHAS...
EM MIM ACABARA DE MATAR..
ATÉ O QUE ERA FORTE...
MINHA RAIZ...
 A MAIS FORTE...

Tatiana Marques (Tath)
Enviado por Tatiana Marques (Tath) em 03/10/2006
Código do texto: T255294
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tatiana Marques (Tath)
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil, 28 anos
554 textos (19852 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 06:32)
Tatiana Marques (Tath)