Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Pobre pássaro perdido

Pálida vivência, ofendido pelas brumas que turvaram-lhe
As rotas, dos céus caiu vertiginosamente com olhos vendados
No precipício, fez caminho rumo ao horizonte...em desvio...


Em grutas ruminou a liberdade, fez da vida uma metáfora
Em êxodo de si, um traço abstrato reflete-o em espelho-d'água
Todos os sentidos agonizam na gaiola da renúncia, sem espasmos 


... O seu rastro reflete asas amarradas de lutas por nada
Em hieróglifos, a escrita da vida do pássaro perdido, escreve
Uma história cravada nas rochas, cristais de puro ódio.

elisasantos
Enviado por elisasantos em 13/10/2006
Código do texto: T263484
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
elisasantos
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 56 anos
430 textos (24473 leituras)
1 áudios (91 audições)
4 e-livros (163 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 05:57)
elisasantos