Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

LÁGRIMAS!


LÁGRIMAS

Mamãe, não chore por mim!
Não lamente nem fique triste,
A morte da vida não é o fim,
Pra mim, ela, eterna... Existe!

Sou mais feliz do que vocês
Em minha atual existência,
Por aí, só vivi por uma vez,
Aqui... Existo em consistência!

A cada lágrima derramada
Dos seus olhos maternais,
Minha’alma... Enciumada!
Fica penando pelos portais.

Portais agora nos separando
Da matéria que você conduz,
Quando dela for se livrando,
Viveremos juntos... Na luz!

Para mim, foi feito o possível,
O impossível só Deus poderia,
Perdi você, minha mãe incrível!
Mas... Ganhei por mãe: Maria!

     (S/A/Baracho)
Sebastião Antônio Baracho Baracho
Enviado por Sebastião Antônio Baracho Baracho em 21/10/2006
Código do texto: T269900
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Sebastião Antônio Baracho Baracho
Coronel Fabriciano - Minas Gerais - Brasil, 79 anos
421 textos (19439 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 08:05)
Sebastião Antônio Baracho Baracho