Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Primeira dor

Há tarde chegava
e eu vagava
por entre flores,
há procura de antigos amores.
Como se há primeira dor
não fosse nada,
como se há primeira dor
fosse um busca desenfreada
desesperada por amor.
Amor imortal
que deixou uma dor
fatal.
há primeira dor
é algo insuportável
incontrolavel.
Mas toda dor
se esquece,
toda dor
se esvanece.
E a unica coisa que resta é o amor.
Ingrid stein martins(poetisa da noite-18/05/2006)
Poets Of Night
Enviado por Poets Of Night em 02/11/2006
Código do texto: T280494
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Poets Of Night
São Paulo - São Paulo - Brasil, 27 anos
82 textos (10575 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 16:58)
Poets Of Night