Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CORAÇÃO DILACERADO

CORAÇÃO DILACERADO


Coração que do meu peito
Foi cruelmente dilacerado
Sei que não tem mais jeito
Não poderá ser suturado

Segue lentamente sangrando
Ora pulsando, quase parado
Ora parado, tentando pulsar

Toda a dor que sente agora
Deixa-te ainda mais cansado
E não vê logo chegar a hora
De ter seu tormento cessado

Derrama sua lágrima vermelha
Ate que com a ultima centelha
Teu pulsar seja enfim calado



GILSON G SANTOS
Enviado por GILSON G SANTOS em 15/11/2006
Código do texto: T291800
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
GILSON G SANTOS
Cubatão - São Paulo - Brasil, 50 anos
1323 textos (122199 leituras)
2 e-livros (44 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 12:30)
GILSON G SANTOS

Site do Escritor