Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Boas Lembranças

Deixo-lhe apenas as boas lembranças
Pois as más, crepitam em algum lugar esquecido no passado
Sirvo-me apenas de bons pensamentos
Pois cansado, não perco mais tempo com pesadelos, que reclamam.
Você é agora parte de um presente que já não dói mais, que não machuca.
As feridas, já lacradas não mais ardem com as lágrimas, que as inflamam.
Mas as cicatrizes estão aqui e para sempre irão me lembrar de um amor que acabou.
E acabado ele fica, seco, cinza, marrom e aduba!
Para que na letargia de uma manhã qualquer, como um milagre, surja, surja!
Surja um novo amor, que azul, vermelho e amarelo, exubere e brilhe, brilhe!
Deixo-lhe apenas esse poema
Deixo-lhe apenas...
Apenas...
Um poema, só um poema, que de importante não tem mais nada
E assim ele por si, e por ti, se acaba.

2006
Duke Webwriter
Enviado por Duke Webwriter em 16/11/2006
Reeditado em 09/02/2012
Código do texto: T293410

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Duke Webwriter
Salvador - Bahia - Brasil
87 textos (5813 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 05:50)
Duke Webwriter