Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MELANCOLIA

Não se acabrunhe por dores profunda,
E nem descre do seu intimo perfeito.
Olhe com bonância para um moribundo,
Emudeça o grito de dor em seu leito.

Louca agonia que florece na mocidade,
Suave brisa inspira a amarga ilusão.
Ansia alimentada pela triste saudade,
Jamais saberás o que é dor ou paixão.

Quando no solitário e suave crepúsculo,
Estiver a vagar pelos ermos do tédio.
Amargurado o poeta estará em seu túmulo.

Ele sentiu as mágoas da cruel solidão,
Viu emudecer seu puro sorriso juvenil.
E não teve sequer um amor no coração.  
Marolla
Enviado por Marolla em 17/11/2006
Código do texto: T294049
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marolla
Araçatuba - São Paulo - Brasil, 8 anos
41 textos (1873 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 08:52)
Marolla