Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma grama de amor:



Nada tenho
Para lhe oferecer
Alem do meu amor
Sei que é muito pouco
Suas ambições vão bem alem
Do que eu posso lhe oferecer
Você quer luxo e fortuna
Esquecendo que o amor e importante
Bem mais importante que o ouro
Que garimpas entre os homens
Se corrompendo aos poucos
Sem ter quem lhe aponte o futuro
Se tiveres coragem me diga
Quanto valerá uma grama de seu amor
Isso você jamais vai saber
Pois seu egoísmo lhe condenará
A viver eternamente sozinha
Apesar de toda esta fortuna
Que acumulastes ao longo do tempo
Que te entregastes a este garimpo
De luxuria e desejo, menos amor.
Hoje de parceira com a tristeza
Tu garimpas dor, nas minas da solidão.

Volnei Rijo Braga

Balneário dos Prazeres: 19/11/2006



Volnei Rijo Braga
Enviado por Volnei Rijo Braga em 19/11/2006
Código do texto: T295529
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Volnei Rijo Braga
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil, 69 anos
2314 textos (147479 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 02:06)
Volnei Rijo Braga