Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOFRIMENTO


 
ESTOU TRISTE

EU NAO CONSIGO NEM MAIS UM SORRISO DAR

MEU ROSTO NEGA-SE A SORRIR

MEUS LABIOS NAO SAO MAIS OS MESMOS

ELES NAO QUEREM NEM MAIS UMA SIMPLES PALAVRA PRONUNCIAR

OS MEUS OLHOS SO LAMENTAM

ELES LAMENTAM ESSA GRANDE DOR

DOR DE NAO TER VOCE JUNTO A MIM

CADA LAGRIMA QUE ROLA NO MEU ROSTO

REPRESENTA UM PEDAÇO DO MEU SOFRIMENTO

SOFRIMENTO QUE AUMENTA AINDA MAIS

QUANDO CHEGA O ANOITECER

POIS QUANDO DEITO E OLHO PARA O LADO , E NAO TE VEJO

E COMO SE EU PERDESSE O QUE TENHO DE MAIS PRECIOSO

E COMO SE EU PERDESSE A MINHA PROPRIA VIDA.
HELIOS TAN
Enviado por HELIOS TAN em 02/08/2005
Código do texto: T39577
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
HELIOS TAN
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 47 anos
1397 textos (39993 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 06:10)
HELIOS TAN