Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Triste entardecer

Olho o céu que escurece!...
Penso em você que se foi.
Vejo a flor que floresce,
desabrocha pra morrer depois.

Sinto tamanha tristeza;
lembrando ternos momentos;
quando com toda pureza,
revelei meus sentimentos.

Fui botão que floresceu;
A flor que desabrochou!
Entre nós então nasceu,
o amor que tudo mudou.

Entre risos e alegrias,
vivemos intensamente;
emoções que nossos dias,
encheu de amor palpitante!

Foi tanta a felicidade...
quanta ternura sem fim
Não suporto a realidade,
de tudo acabar assim.

Por isso, ao entardecer,
Tristonha, fico a pensar:
Preciso você esquecer.
Mas quero lhe ver voltar!

Daize Dorça, 29/07/1980.
Daize
Enviado por Daize em 03/08/2005
Código do texto: T39898
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Daize
São Paulo - São Paulo - Brasil, 76 anos
55 textos (3837 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 20:24)
Daize