Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Vazio.

Quem busca o vazio encontra o vazio,
E seu mundo é um vazio desigual,
Como te amei, e você é tão fútil, buscando beleza, buscando dinheiro,
Teu olhar vazio e superficial olhou no vazio, eu vi você,
Teus olhos sem reflexo, olhou no fundo dos meus, procurei o vazio e encontrei você,
Como te amei? Sem saber, é um contínuo de vazio,
Perceber o tempo que se perdeu,
Sem saber, sem perceber, um vazio que consome,
Não foi surpresa o fim sempre foi a coisa mais acertada de todas, o inicio foi uma breve conseqüência de um fim certo,
A surpresa foi você dizer que me ama, o vazio não ama, não existe, o teu reflexo é vazio, tuas palavras são vazias,
Te dar outra chance? Outra chance de que? De você me magoar?
Buscou no vazio e encontrou o vazio, ele é bonito, ele é vazio, teu par perfeito,
Mas não me venha pedir outra chance, não me peça perdão,
Não me perco mais no vazio do teu mundo, nas suas conversas fúteis, na tua beleza superficial,
No vazio eu não percebo nada, não vejo nada, nem tão pouco amo o nada,
Segue esse teu caminho para o nada, e me deixa seguir o meu,
Meu caminho incerto, mas é certo de que nunca será para o vazio.

 
Leo Magno Mauricio
Enviado por Leo Magno Mauricio em 07/08/2005
Código do texto: T41044
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Leo Magno Mauricio
Guarulhos - São Paulo - Brasil
455 textos (14413 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 23:38)
Leo Magno Mauricio