Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mentia se dissesse que minto...

Mentias se me dissesses... que pinto…
Que não me esforço, peço ajuda, e vais…
Ajeitas-me o nó da gravata… e o cinto.
Teus passos para mim são sempre mais…

Mentia era se eu dissesse que minto,
Que do meu corpo já não saem vendavais
Que os meus pés já me pesam e não os sinto
E que os meus passos para ti são demais.

E se te peso ao de leve e não quero
Tu bem sabes a razão do desespero
Não seja tamanha a razão do repeso

Pois sempre quis voar na ode de um poema
Irás encontrar em meus versos alfazema
Antes fosse manha a razão do meu peso

10-08-2005 23:31
Rogério Simões

Romasi
Enviado por Romasi em 10/08/2005
Reeditado em 11/08/2005
Código do texto: T41789

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Romasi
Portugal, 67 anos
29 textos (3793 leituras)
9 áudios (510 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 08:14)
Romasi