Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

NAS ASAS DO DESTINO

Algumas vezes sinto saudade
tento esconder
ser forte
fortificar você

Algumas vezes choro
enxugo lágrimas
sorrio alegremente
para que sempre veja
a mulher-sorriso em sua frente

Outras vezes sinto dores
debato-me
desabo
sofro horrores
em segredo
para que não saibas
do meu medo

Por vezes
-como agora-
quero você
na saudade
alma em prantos
dores fortes

Sozinha, grito
lamento
e desespero-me
invento
uma maneira de suavizar
amenizar o sofrimento

Penso no dia reservado
nosso maior presente
eterna união
felicidade eminente

25.Junho.2005
19h05
ITANHAÉM  SP
Míriam Torres
Enviado por Míriam Torres em 19/08/2005
Código do texto: T43817
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Míriam Torres
Itanhaém - São Paulo - Brasil
307 textos (17335 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 00:31)
Míriam Torres