Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

reflexões vespertinas

Todas as minhas paixões secretas

foram negadas

O demônio não quis comprar minha alma

Se eu pudesse

emprestaria minha vida

para qualquer morto

Mas acho que ele devolveria em poucas horas

Deus olha para mim

coça a cabeça, cochicha com um anjo

e não chega a nenhuma conclusão sobre minha vida

Olho para o relógio aé meus olhos lacrimejarem

Os atores da televisão param de se beijar

O cantor do rádio para de cantar

ficam todos olhando para mim

A barata na parede chora

se entega a mim

ela acha que a morte dela

talvez possa me consolar

dou um beijo nela e digo:

Obrigado mais não irá adiantar!
pedro carmo
Enviado por pedro carmo em 30/09/2005
Código do texto: T55029
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
pedro carmo
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 34 anos
172 textos (5174 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 11/12/16 02:21)
pedro carmo