Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MINH´ALMA VAZIA

Acordei com os sonoros

acordes de um violino...

resquícios de um sonho lindo

diverso do meu destino.


Já se faz amanhecer...

o Sol já está raiando...

com seus alegres trinados,

vão pássaros revoando...


Borboletas coloridas

são qual pétalas aladas

pousando nas flores lindas

de orvalho ainda molhadas... 


Então penso no contraste

do que a natureza envia

para os meus olhos cansados

e minh´ alma tão vazia...


Ah, quem me dera poder

sorrir com tanta beleza,

porém a vida me cobre

com um manto de tristeza...


Pois queima, qual lava ardente

o amor nas minhas entranhas

por alguém que um dia amou - me

e hoje tem - me como estranha...


Esqueceu - se dos carinhos

do meu corpo, desfrutado,

quando em êxtases intensos

delirava, alucinado ...


Partiu sem dizer adeus

numa triste manhã fria...

de lembrança, a solidão,

nesta minh´alma vazia...

Arianne Evans
Enviado por Arianne Evans em 18/10/2005
Reeditado em 18/10/2005
Código do texto: T60771
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Arianne Evans
Curitiba - Paraná - Brasil, 66 anos
695 textos (57309 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:31)
Arianne Evans