Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Agonia...

Você chama não tem ninguém lá
Você muda tudo Mas não há para onde se voltar...
(Tente acordar...)

Você corre, mas para onde ir?
Você chora afinal por que rir?
(como ser feliz...?)

Você pensa nela...
Ela não está lá...
Você tenta ser feliz
Mas os desapontamentos te impedem de acreditar...

Você tenta ver a realeza
Mas te enfia garganta abaixo a incerteza
Enxergue alguma beleza achou que não...

Tente viver
Dê o melhor de si
Tente ainda crer
No sonho que há anos você se mata a perseguir
Tente sorrir
Mas ainda há uma chuva em você

Você busca um invisível sol
Mas infelizmente só há nuvens ao seu redor
Você tenta fazer as coisas bem
O que você busca para você nunca tem
Que mundo imperfeito

Tente acreditar
Que um dia tudo vai mudar
Até quando tentar
Eu já nem sei mais o que falar...
Tente acreditar
Tente sonhar

Com um nó na garganta você está...
Tente mais uma vez sonhar
Diz-me até quando esperar?
Diz me até quando acreditar?
Quanta agonia
O que era mesmo a fantasia?

©2007*Marcos Menezes de Almeida*(Todos Os Direitos Reservados)
Marcos Menezes de Almeida
Enviado por Marcos Menezes de Almeida em 08/09/2007
Reeditado em 28/03/2008
Código do texto: T644151
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Marcos Menezes de Almeida
Aracaju - Sergipe - Brasil, 32 anos
361 textos (17591 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 03:57)
Marcos Menezes de Almeida