Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O mundo não entende o poeta.

O mundo não entende o poeta.

O mundo não entende,
as palavras de um poeta,
não ouve sua voz,
e nem mesmo seu grito.

O mundo não entende,
o pensamento de um poeta,
não entendi sua poesia,
não entendi seu sonho,
não entendi sua vida.

O mundo não entende
a dor de um poeta,
a lagrima que percorre seu rosto,
o sofrimento expresso na sua face,
o seu desespero, seu choro.

O mundo não entende,
a solidão de um poeta,
a tristeza de poeta,
o esquecimento de um poeta,
a esquizofrenia de um poeta.

O mundo não entende,
o sorriso de um poeta,
o brilho no seu olhar,
a alegria em seu movimento,
de andar, correr, dançar, voar...

O mundo não entende,
que um poeta ama,
que um poeta chora,
que um poeta ri,
que um poeta se apavora.

O mundo não entende,
que o poeta precisa de tudo,
que o poeta não vive e nem morre,
vira simplesmente palavras, pensamentos,
poesias escritas aos ventos, ao infinito.

E essa é minha tristeza,
por não sermos entendido,
por nada, nem ninguém.
O mundo infelizmente não entende nada,
O mundo simplesmente não entende um poeta.

(Santarém-Pará, 10/09/07)
Andrew de Castro
Andrew de Castro Rodrigues
Enviado por Andrew de Castro Rodrigues em 14/09/2007
Código do texto: T652181
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrew de Castro Rodrigues
Santarém - Pará - Brasil, 27 anos
82 textos (5886 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 15:48)
Andrew de Castro Rodrigues