Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ENFIM, CONSUMADO




O que era nosso, deixou de ser.
Talvez, por jamais ter sido.
O que foi sonhado e vivido,
eu creio estar acabado.

O que era nosso, deixei morrer.
Talvez, por não ter sentido.
Se era amor, foi esquecido
e jaz no remoto passado.

Foi, enfim, consumado.


Sábado, 03 de dezembro de 2016.
13h23min.



ASA MORENA
Enviado por ASA MORENA em 17/09/2007
Reeditado em 03/12/2016
Código do texto: T655683
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ASA MORENA
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
830 textos (59557 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 16:02)
ASA MORENA