Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um coração sem amor

Estou vazia
Nada amo, nada sinto
Além de sofreguidão
Sou só pó,
Apenas um corpo sem alma
Restos de cera velha
Que hoje nada iluminam
Sou o vácuo,
Uma dimensão oculta,
Um espaço sem matéria.
Sou o caos,
Sou o sofrimento,
De nada amar,
De por nada chorar.
Sou a face inerte,
Sem movimentos de expressão,
Sem lágrimas ousando se escorregar
Sou a invalidez de um espírito
A morte de uma vida
Sou a falência do sorriso
A lembrança do último suspiro
Sou tudo, sou nada
Tudo de um nada
O nada de um tudo
Não sou nda além
De um coração
Sem amor.

Loh Destino 15/08/07
Loren Rodrigues
Enviado por Loren Rodrigues em 24/09/2007
Código do texto: T666067

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Loren Rodrigues
Montes Claros - Minas Gerais - Brasil, 24 anos
124 textos (3966 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 04:03)
Loren Rodrigues