Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

deserto da dor

dos alicerces da paixão
das tempestades criadas pelo orgulho
do tempo amaldiçoado pelo rancor
estou no deserto da dor
estou no momento final do amor
estou terminando de me enforcar
no sonho da mágoa
estou no deserto da dor
no puro inferno do rancor
na nostalgia do pensamento do inferno de dante
estou no purgatório da realidade sem sentido do caos
estou na sentença do julgamento final da paixão
estou sem um pingo de amor
estou no deserto da dor.

Dom Abreu
Enviado por Dom Abreu em 24/09/2007
Código do texto: T666406
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dom Abreu
Florianópolis - Santa Catarina - Brasil, 32 anos
3808 textos (123235 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 07:08)
Dom Abreu