Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Partida

sinto-te escapar-me às mãos,
neste momento de confusão,
optas por fugir à dor
não escolhes o amor.

meu coração se comprime,chora
ao imaginar-te longe a quaquer hora,
fico inquieto,o desespero toma conta
e a triteza no horizonte aponta.

por que não consideras ficar,
e dar-nos uma chance
de fazer o sentimento frutificar.

e então, quem sabe,o sol brilhe forte
e mesmo que de relance,
vejamos uma mudança na nossa sorte.

À Ana Paula


Luiz Ribeiro
Enviado por Luiz Ribeiro em 05/11/2005
Reeditado em 05/11/2005
Código do texto: T67621

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Luiz Ribeiro
Recife - Pernambuco - Brasil, 54 anos
101 textos (2917 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:33)
Luiz Ribeiro