Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto


Labirinto

000zfzrp

Perdida em minha solidão
buscando em mim uma nesga de esperança
que se faça raio de vida, que seja ponto de partida

Presa dentro de mim
sigo sem saber para onde vou
sou ave sem ninho para descansar

Sinto frio...
Frio que me fere a alma
castiga os meus sentidos

Presa em um labirinto
ando sem rumo
buscando a saída sem encontrar...

000zfzrp

ÐäMå Ðë ÑëG®ö

Apenas uma mulher que já riu, amou, se entregou e chorou.
Escrevo apenas o que sinto. Muito longe de ser uma poetisa, sou alguém que apenas sente!


Dama De Negro
Enviado por Dama De Negro em 07/10/2007
Reeditado em 27/05/2012
Código do texto: T684186

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Dama De Negro
São Paulo - São Paulo - Brasil
1890 textos (146732 leituras)
2 e-livros (329 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 09:35)
Dama De Negro