Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

AOS PERDEDORES

A sensação de estar morrendo sempre me foi muito nítida
A ansiedade incandescentemente implacável
É como um magma dilacerando cada centímetro do meu corpo
Ela acelera o meu encontro funesto
Com o barqueiro que da outra margem do rio me espreita

Os dias de prosperidade
Outrora aguardados com entusiasmo e esperança
Finalmente chegaram
Mas são tão tristes e sombrios
Quanto à casa das almas perdidas

A estagnação, o azar e a imbecilidade
São ingredientes sutilmente nocivos
Corroem lentamente a vida
Daqueles que se deixam consumir

O tempo arrasta tudo sem pedir permissão
E a existência é curta demais
Se, se levar em conta tudo que se pretende
Horas perdidas iguais a essa...
Dedicadas à contemplação do fracasso


[rh.12.10.07.20:55]
Ricardo Henrique
Enviado por Ricardo Henrique em 12/10/2007
Código do texto: T691911
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Ricardo Henrique
Campo Grande - Mato Grosso do Sul - Brasil, 34 anos
137 textos (14445 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 11:03)
Ricardo Henrique