Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ilusão Irônica


Escuro céu que confessa em lágrimas
Estrelas cadentes desabam do manto celeste
Insano mundo regido por inúmeras tragédias
Amantes de ritos bizarros por eternas noites sublimes

Encontras nas miragens o conforto necessário para viver
E depois com tom de sarcasmos vem o Sofrimento
A Esperança apodrece no colo dos Tolos
A Verdade e Mentira não importam mais como antes

Silenciosa prisão onde o Tempo nos alimentam
Nas asas das Lembranças voaremos para mais longe
Por campos floridos de rosas cantantes iremos livres

O pesadelo estará extinto em distantes túmulos
E o sonho nos dará a graça de majestosa presença
Mas por fim tudo não passa de uma ilusão irônica
Chronos Sigdhara
Enviado por Chronos Sigdhara em 15/10/2007
Código do texto: T694925
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Chronos Sigdhara
Gama - Distrito Federal - Brasil, 34 anos
91 textos (2218 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 04:45)
Chronos Sigdhara