Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Segura o choro

Segura o choro

Segura o choro criança
Dorme, a noite é tardia.
A vida é fria...
E já não sei mais sobre esperança.

Então segura o choro
Pois ao longe vem o coro
A procissão de almas
Solenemente mortas, calmas.

Segura o choro, Perdão.
Escorre limo e sangue de minha mão,
O talho corte é fundo
Como o vapor gutural do mundo.

Então, segura o choro criança.
Tardia é a esperança
E quente é a febre de meus delírios;

Porém, morto está eu...
Então criança, segura o choro.
Pois para onde te levo
Há somente o inferno de breu.
R Duccini
Enviado por R Duccini em 19/10/2007
Reeditado em 31/10/2007
Código do texto: T700435

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
R Duccini
Paracambi - Rio de Janeiro - Brasil, 25 anos
352 textos (25943 leituras)
2 e-livros (115 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 08:28)
R Duccini