Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MÃOS VAZIAS


Amor absurdo, improvável, irreal
Estrelas no céu, paixão que ilumina
Chuva de alegria, flores no areal
Me faz recordar como era eu menina


Se chegas nas nuvens da noite escura
Eu saio nas brumas, à tua procura
Volto sempre triste, com as mãos vazias
Pois somes no nada, tal como surgias

Te busco nos sonhos e lá, te encontro
E somos felizes nos braços do outro
Do sonho desperto, triste realidade
Não tenho voce, morro de saudade!


Once Upon a Time
Enviado por Once Upon a Time em 19/03/2005
Reeditado em 20/03/2005
Código do texto: T7005
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Once Upon a Time
São Paulo - São Paulo - Brasil, 56 anos
120 textos (5509 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 30/09/16 07:03)
Once Upon a Time