Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sábado Negro

 

Amanheci diferente
nada estava bom pra mim
Passei o dia inquieta
Tudo estava ruim

Meu bem cuidando das flores
só me chamando pra ver
Estava entristecida
não conseguia esconder

Quando a tarde foi caindo
doia meu coração
Sentei ao computador
pedí a conecção

Mas antes de completar
veio a notícia e a dor
Meu paizinho estava morto
nada mais tinha valor

As lágrimas desceram quentes
molhando todo meu ser
Pois o destino cortara
o meu gosto de viver

Aquelas horas funestas
vendo seu corpo na estrada
Meu paizinho estava mudo
a minha alma rasgada!

por ocasião  do acidente com meu pai aos 07/07/2007
Lucina M. Duarte
Lucina Duarte
Enviado por Lucina Duarte em 23/10/2007
Código do texto: T706972
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lucina Duarte
São Gonçalo do Rio Abaixo - Minas Gerais - Brasil
136 textos (7248 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/08/17 02:33)
Lucina Duarte