Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A prisão do poeta

Marcos Barbosa

Um dia um poeta
andando pela rua
a polícia o prendeu
 
Assim mesmo a polícia
que ao poeta deteu
no momento em que pensava
em sua doce amada.
 
O poeta calmamente
aceitou a voz de prisão.
Mas fez barulho e pediu ao povo
que levassem o caso pra televisão.
 
Assim, o povo sabendo
logo iam defende-lo
como em outra ocasião.
 
Mas não o levaram pra cadeia
e por incrível que pareça
no Paiaguás foi parar.
 
Mas senhor governador...
o senhor mandou me prender?
 
Parece que V.Excia ainda não entendeu?
que não sou mais
adversário teu?
 
Governador, você não tem consciência?
Sou um simples jornalista,
poeta e escritor...
 
Eu não tenho mais Partido
e não devo ser temido
porque sou o poeta do amor.
 
E os soldados disseram:
Foi tudo uma brincadeira
do Senhor Governador.
 
Marco Aurélio, é o seguinte,
disse Sua Excelência:
 
- Fui muito bem informado
que você faz uns poemas
que leva o povo a parar
pra ouvir seus recitais.
 
Não queira V.Excia.
proibir minha poesia...
se  não tem consciência
desta minha independência...
Só eu posso me libertar!
 
- Calma moço, não é isto
que eu quis dizer.
Já que não publica livros,
mandei traze-lo aqui
para que o meu governo
possa ouvir os seus versos.
 
- Não posso negar os meus poemas
a nenhum solicitante
e espero que eles venham
inspirar seus assessores
em todas as decisões
e possa assim contribuir
pra evitar injustiças e corrupções.
Por isto proclamo o amor,
que tem direito a todos os louvores.


Várzea Grande27/02/1985

                           PASSANDO O CHAPÉU:


Agência 01616
Banco 232 - Bradesco
Conta corrente 0674315-3
Favorecido: Marcos Aurélio Barbosa da Silveira

Agradecemos todas a contribuições depositadas no "chapéu" que foi substituido pela conta bancária acima.

ANTIGAMENTE HAVIA UM MÉTODO SIMPLES DE FINANCIAMENTO POPULAR DA ARTE, PASSANDO O CHAPÉU. ARTISTAS, POETAS E ATÉ ALGUNS ESCRITORES, APÓS A APRESENTAÇÃO DE SUA PRODUÇÃO LITERÁRIA OU ARTÍSTICA PASSAVAM O CHAPÉU PARA OS OUVINTES, QUE OFERTAVAM A SUA CONTRIBUIÇÃO  EM PRAÇA PÚBLICA E ATÉ EM FESTAS PARTICULARES.
OS TEMPOS MUDARAM E OS COSTUMES SÃO OUTROS... ENTÃO ESTAMOS TENTANDO ARRECADAR A CONSTRIBUIÇÃO DOS LEITORES QUE GOSTAM DE NOSSOS TEXTOS PARA POSSIBILITAR A  PUBLICAÇÃO DE NOSSOS LIVROS NA VERSÃO IMPRESSA.
SABE-SE QUE LIVRO NÃO DÁ LUCRO PARA ESCRITOR INICIANTE, MAS MESMO ASSIM O NOSSO SONHO DE CRIAR UMA FUNDAÇÃO E DEIXAR UM PEQUENO LEGADO CULTURAL PARA AS GERAÇÕES FUTURAS NÃO ACABOU. UM PROJETO QUE PRETENDEMOS FINANCIAR É A PRODUÇÃO E DISTRIBUIÇÃO GRATUITA DE UM JORNAL DE CONTEÚDO EDUCATIVO/ CULTURAL NAS  ESCOLAS PÚBLICAS.

 
         AJUDE A PATROCINAR NOSSOS LIVROS IMPRESSOS

     O escritor e jornalista Marcos Barbosa vai a publicar outros livros no formato tradicional, versão impressa e continuar a coleção UNI-VERSO E PROSA DE MARCOS BARBOSA.
         Com quase trinta mil leitores no Recanto das Letras, criou coragem e lançou a campanha PASSANDO O CHAPÉU.
     Os três livros de bolso, foram vendidos inicialmente nas bancas centrais de Brasília e em algumas  bancas de revistas das capitais do país, a R$ 5,00 apenas, para atingir também aos trabalhadores de baixa renda.
     Os contos publicados pela editora Ícone de Brasília são: A MORTE DO SOL E O BURACO NEGRO; O Herói de "Mensagem a Garcia" e um livreto de poesias SAGA DA HUMANIDADE, todos  já lidos por muitos "freqüentadores" do RECANTO DAS LETRAS.
     O objetivo é desenvolver uma estratégia de marketing para escapar da alta roda dos intelectuais e atingir aqueles que mais precisam de leitura, o homem comum, do povo.

Dom Marcos Barbosa II
Enviado por Dom Marcos Barbosa II em 27/10/2007
Reeditado em 30/03/2013
Código do texto: T711997
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original ( Autorizamos a publicação citando o autor e a fonte: Marcos Barbosa - www.recantodasletras.com.br/autores/marcosbarbosa). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Dom Marcos Barbosa II
Águas Lindas de Goiás - Goiás - Brasil, 60 anos
220 textos (36643 leituras)
11 e-livros (659 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/17 05:09)
Dom Marcos Barbosa II