Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mágoas

O nosso amor, que ontem era um grande amor,
Hoje não passa de uma recordação.
Eu sei que te fiz mal, mas estou arrependido
de te ter magoado tanto.
Perdoa-me. Eu não sabia que estava errado e
que te magoava daquela maneira.
Por tudo o que passaste, só tenho uma palavra,
PERDOA-ME.
Quando fecho os olhos, vejo-te como no primeiro dia.
Cabelo negro, que com o vento, abria e ondulava.
O cheiro da tua pele macia que era como a brisa do mar.
Os beijos que trocamos.
Ainda me recordo da nossa canção. Era linda!
Nós vivemos intensamente o amor que era cantado
nessa canção. Demos tantos anos das nossas vidas,
e agora, são tudo recordações.
Só quero manter os meus olhos fechados e sentir-te
ainda a meu lado.  Imaginar todos os nossos bons momentos.
Este arrependimento mata-me.
Na esperança que esta nuvem negra passe,
Mais uma vez te peço
Perdoa-me!!!
Carlos Jorge Gomes Candan
Enviado por Carlos Jorge Gomes Candan em 07/11/2007
Código do texto: T726592

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Carlos Jorge Gomes Candan
Portugal
51 textos (1409 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 04:29)
Carlos Jorge Gomes Candan