Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

PERDI MEU AMOR

Nesta gelada manhã de inverno,
em que cai uma chuva fria,
despeço-me de você que dormiu o sono eterno,
não estava eu preparado para esse infeliz dia.
Jamais esquecerei de nossos momentos felizes.
Sua partida deixou uma sensação de vazio eterno.




É difícil pra eu aceitar
essa partida prematura,
pois além de muito te amar,
sentirei saudade do nosso amor,
de cada gesto seu cheio de ternura.
Mas restou essa saudade,
a certeza de que os dias que virão serão de amargura.


Nesta manhã para mim triste,
em que a vida parece perder seus encantos,
essa flor negra da desesperança em mim existe.
Para dar-te o último adeus;
Diante de você estou aos prantos.
Só em pensar quando tudo estiver terminado,
não poderei mais ver os olhos seus.


Badalam os sinos da Igreja de Livramento,
anunciado sua hora triste,
pelas ruas da cidade vais,
a passos lentos,
sem ao menos olhar para trás.
Ao mesmo tempo em que, fico a sofrer,
sei que irás atender a um chamamento,
que foi feito por Deus.


 
Amada minha, vá em paz,
rumo a sua nova moradia,
só desejo que lá você não se esqueça de nossa linda
história, que vivemos algum dia.
Adeus! Adeus minha estrela guia.
Quero que saibas que não importa onde estejas,
ao nosso amor permanecerei fiel.
Quando estiver entristecido lembrarei de cada momento
Da nossa felicidade.
Nosso sentimento desde o início foi verdadeiro.
Adeus! Adeus!, minha amada,
peço que permaneças feliz na tua nova morada.
Amor meu, nem queiras saber quanta falta você me faz.
CARLOS BOSCACCI
Enviado por CARLOS BOSCACCI em 21/11/2005
Código do texto: T74456
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CARLOS BOSCACCI
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 33 anos
401 textos (25452 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 17:33)
CARLOS BOSCACCI