Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTE ANJO NUNCA FOI REAL

A um tempo atras, as minhas emoções
Eram centradas no sentimento que vivia
Por um homem especial que eu o chamava
Carinhosamente pelo apelido de "Anjo"

Por ele aprendi a escrever meus momentos
Preciosos de amor, pois ele me inspirava
E isto me dava muito prazer e satisfação
Pois amava falar desta emoção que me movia

Fazendo-me sentir intensamente a vida
Dando-me um prazer jamais vivido,
O que fez de mim uma mulher realizada
Tendo no meu caminho alguem precioso

Que me fez desejar eternizar este amor, mas
O tempo passou e um dia nos separamos
Então conheci de perto o que é a saudade
Pois disse-lhe adeus pensando estar certa

Com isto abandonei minha ilusões e sonhos,
Então o receio de ve-lo de frente me torturava,
Porque eu sentia que poderia me perder, mas
O destino me provou o contrário, surpreendendo-me

Sim hoje conversamos por telefone e nada senti
Isto me assustou, mas entendi meus sentimentos
Pois amando-o eu o endeusei a tal ponto,
Que carinhosamente lhe dei o apelido de "Anjo",

Pois era assim que eu o via diariamente,
No entanto, o tempo me fez experimentar
A dor da saudade, porque acreditava que
O meu amor por ele era imortal, e por isto

Acreditei que tendo o menor contato com ele
Tremeria e me perderia, sentindo este amor
Adormecido tão forte sendo ressuscitado
Mas na verdade, o que vivi ao seu lado foi

Um sonho manifestado pela minha mente
Que aos poucos se foi, quando conheci de fato
Quem era este homem que chamei de Anjo
É... Descobri que o encanto se quebrou

Fazendo com que este amor tão sublime
Fosse embora para sempre, pois percebi que
Um amor de verdade como o meu não suporta
O medo, a indiferença e nem as mentiras

Daquele que um dia teve consigo o meu coração
Com isto enxerguei que este Anjo nunca foi real
Porque Anjos não destroem os sonhos de alguem
Que lhe deu pureza e verdade nos seus sentimentos.
Glaucia Duarte
Enviado por Glaucia Duarte em 22/11/2007
Reeditado em 25/11/2007
Código do texto: T747093

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Glaucia Duarte
Caraguatatuba - São Paulo - Brasil
1956 textos (253201 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/10/17 01:58)
Glaucia Duarte