Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SOLDADO INFELIZ

Todo dia lutas como um bravo...
Em punho, levas arma e munição.
Mas, soldado, tu és escravo
dos mandatários da tua nação.

Tua medalha é outro fardo
pra carregares em teu coração.
Pois, não passas de um bastardo
que ainda suja de sangue a mão.

Teu futuro é andar humilhado
com os olhos cravados no chão.
E, não haverá canto sagrado,
que te faça esquecer a opressão.

Tu que nasceste abençoado,
deixaste-te levar pela ambição
desse vil metal desgraçado.
Então, derramas sangue irmão.

Teu engano cultivado,
jamais florescerá.
Pois quem te ordena é um desalmado,
que nunca te prezará!

E, quando tua hora chegar,
como que tu vais explicar
que por um grande engano,
roubaste a vida de um ser humano?

Nada material é tão valioso
que possa uma vida ceifar.
A vida é o bem mais precioso
que Deus deu e, só Ele pode tirar!
Tânia Regina Voigt
Enviado por Tânia Regina Voigt em 01/12/2007
Reeditado em 13/04/2009
Código do texto: T761062

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome da autora). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Tânia Regina Voigt
Pelotas - Rio Grande do Sul - Brasil
1026 textos (48064 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 15:14)
Tânia Regina Voigt