Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FUNERAL DO AMOR PERFEITO

Te acolhi com prazer,
te dei carinho,
alimento e amor,
e te dei mais
não te deixando morrer.

Te dei o material
e o essencial
- o amor mais perfeito
que, ferido, sangrava no meu peito.
A luz que tinha
te dei
e a que não tinha
dei um jeito e arranjei
para te iluminar
e te alertar.

Por muito tempo te prendi
para do mundo te poupar.
Mas um dia entendi
a tua ânsia de voar,
abri mão da razão,
me violentei
... e te soltei.

Nem sei o que mais resta
em mim
de amor ou vida.

De tanto que te dei
me esvaziei.

Mas preferiste ser bandida...
Sal
Enviado por Sal em 05/12/2005
Código do texto: T81117
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Sal
Marília - São Paulo - Brasil, 78 anos
507 textos (44782 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 16:05)
Sal